quinta-feira, 19 de julho de 2012

Papôa–Linho de mar

o Linho de mar emerge como um gigantesco Menir, das águas da Papôa.
papoa_linhomar

6 comentários:

Luis Santana disse...

Grandes caldeiradas de serroes e budioes se apanhavam ai no Barreiro Baixo ( acho que e esse o nome). Se calhar hoje nao ha tanta fartura dessas especies. Bonita foto para regalar a vista. Um abraco. Luis

Anónimo disse...

CHICO QUE LINDO CARTAO DE VIZITA PARA QUEM VEM A//PENICHE // O MEU MUITO OBRIGADO CONTINUA MUITAS SANTOLAS ,EU APANHEI AI MAIS O MEU PAI. BELOS TEMPOS UM ABRACO PARA TODOS.

Albino disse...

Para mim seria mesmo uma aventura estar ao pe da fomosa Nau dos corvos...Que continua de pe!..
Nunca estive la em baixo,prefiro estar bem la no alto,e saborear o marisco compra-lo...Bela foto obrigado.
Abraco.

Albino disse...

Pelos vistos confundi esta rocha com a Nau dos Corvos Chico,isto so depois de ver a foto hoje mais uma vez..dai que ir a esse sitio sera mais facil,porque quaze de certeza andei por ai contigo nos tempos de infancia....Estou mesmo a precisar de passar mais tempo na nossa terra...Luis e todos os amigos do teu blog devem pensar que este senhor esta muito esquecido....
Abraco

Ramiro Viegas disse...

Albino,Para que lado estavas tu, no momento em que estavas a ver esta foto, para Sul ou para Norte.
Quantas vezes atravessaste a ponte da praia da Papoa? bem como os carreiros de acesso? Aquelas rochas, o mar o encanto da linha de água no horizonte daquele ponto da Papôa é um antidepressivo espetacularé só experimentar. UM Abraço Ramiro Viegas

Albino disse...

Eu sei Ramiro,atravessei muitas vezes o acesso a Papoa e realmente foi so porque nao ponderei bem na bonita fotografia...mas como dizes e bem andar por aqueles sitios sao mesmo antidepressivos..So beleza natural a vossa volta..
Abraco.