quinta-feira, 24 de abril de 2008

O 25 de Abril foi há 34 anos


Foram dias foram anos a esperar por um só dia.
Alegrias. Desenganos.
Foi o tempo que doía
Com seus riscos e seus danos. Foi a noite e foi o dia
Na esperança de um só dia

Manuel Alegre















E finalmente a velha e empedernida prisão política voltou a ser o nosso Monumento, imponente sobre a água, verdadeiro Ex-Libris de Peniche.

1 comentário:

ALBINO disse...

ola chico.

Foi a 34 anos neste dia que o meo avo jose do carmo quando ouvia pela radio as noticias do que se passava em portugal lhe deu um ataque de coracao vindo a falecer 3 dias depois.
a alegria foi tao grande pois o meu avo era um grande defensor da liberdade e lutou para isso.embora vivendo na africa do sul acompanhava sempre tudo.

Uma homenagem portanto ao MEU AVO
Abraco ate breve.